Italo Ventura | O jeito certo de mandar mensagem para ele: técnicas para manter uma conversa interessante

26.08.2020

O jeito certo de mandar mensagem para ele: técnicas para manter uma conversa interessante

Mandar uma mensagem interessante para alguém fará com que esse alguém lembre de você de maneira especial. Saiba como conversar de forma cativante.

Existe mais de um tipo de mensagem interessante que fará com que você se destaque. Há métodos que não irão marcar a memória dele de forma alguma e ainda vão te atrapalhar a alcançar seu objetivo. Para você adquirir determinada relevância na vida dele, é importante que você entenda o que é interessante para ele. 

Responda de maneira amigável

Pode acontecer de ele aparecer te procurando e você responder algo do tipo: “Lembrou que eu existo? Agora você quer conversar comigo!”. Ele está indo falar com você numa boa e você está cobrando ele, isso é uma cobrança. 

As pessoas ficam sim ocupadas, há momentos em que um homem está mais ou menos disponível a ter algum tipo de conversa. Entretanto, dificilmente, ele voltará a ter interesse em você, irá querer sua companhia, quando sua abordagem é na verdade uma acusação.

Se você quer mesmo aproximar ele de você, não faça isso. Ao fazer isso você estará mais afastando ele do que qualquer outra coisa. Vocês dois não estão namorando, mas a cobrança existe como se fosse um relacionamento sério.  

Além disso, você ainda está impossibilitando um dos maiores anseios de todo homem e ser humano, que é a liberdade. Ele não se sentirá confortável do seu lado, porque enquanto vocês estão somente ficando, você já o cobra como se fossem marido e mulher.

“Agora eu vou ter que parar de entrar no whatsapp, porque eu fiquei online, e talvez ela tenha visto que online eu não respondi. Putssss, ela vai encher o saco”. É mais ou menos isso que ele pensa quando você escolhe cobrá-lo. 

Na minha época de solteiro, quando uma mulher me cobrava algo eu dizia “ihh, alá minha esposa”. Por quê? Porque o que se espera de um relacionamento sério são cobranças, e não necessariamente precisa ser assim. Um relacionamento não é um “game over”, na verdade é só o começo do jogo, depende de como você pretende fazê-lo.

Tenha uma relação leve e suave

Aqui eu te mostro como abordando um rapaz do jeito certo, desde o começo do contato de vocês dois, você pode fazer com que a relação flua mas que, além disso, ela seja leve e suave.

Qual é a energia de uma mensagem na qual você questiona ele sobre o porquê da demora em responder? “Ah, pobrezinha de mim, fiquei aqui esperando o tempo todo ele falar comigo, porque na minha vida não tem mais nada de interessante acontecendo”.

Palavras que denotem cobrança é melhor você tirar do seu vocabulário. Provavelmente, o último relacionamento dele acabou por esse motivo “preciso ser isso ou aquilo”, sempre alguém incitando-o a ser algo que ele não é ou não quer ser. 

O relacionamento precisa ser libertador e não aprisionador. E eu não falo isso só para ele não, viu? Eu digo isso para você também, porque um relacionamento digno é aquele que você não vai se sentir privada da própria liberdade. 

Você acha que a Beyoncé fala isso? “Ele nem fala comigo mais”. Não, ela é a procurada, ela é a desejada, a cantora não precisa ficar no pé de todo e qualquer homem. Ele que lute para falar com ela, porque vai ser difícil mesmo. 

Não assuma o papel de coitadinha. Você não é uma, retome as rédeas dessa conversa, e não deixe essa impressão ruim.  As pessoas entram em relacionamentos para que eles sejam bons, e não para causar dor, desconforto, cobrança. 

Seja uma fonte de prazer na sua comunicação. Comunique leveza e não exigências.

Arte: seja uma fonte de prazer na sua comunicação

Surpreenda e seja “rebelde”

Seja desaforada, e não responda. O quê, Ítalo? Como assim? É isso mesmo, perguntas óbvias não merecem respostas óbvias, sua missão é não ser mais uma mulher do aplicativo que responde sempre as mesmas coisas “gosto de sair com as amigas, adoro ver série embaixo do edredom, gosto de ir para barzinho”. 

Responda: “o papo estava tão bom, que por um momento até esqueci que a gente tava no aplicativo/instagram/facebook”. Você foge dessa curva e mostra uma pequena rebeldia, e por que fazer isso? Porque você precisa chamar atenção e passar a mensagem de que com você não vai adiantar ficar de lero lero, a conversa interessante você quem faz acontecer.

Outra opção de mensagem interessante que você pode mandar nessa ocasião é “ah, não vou nem usar minhas respostas padrões, vamo lá, eu acredito em você, você consegue fazer uma pergunta melhor, mais interessante”. 

Dessa forma, você demonstra que não vai aceitar qualquer conversinha barata. Para ele manter contato e te manter animada, ele vai ter que se esforçar.

Se ele parar de conversar com você, porque você disse isso, não se lamente, porque demonstra que ele não estava a fim de se esforçar para manter um papo legal, e você precisa estar com alguém que faça questão de se empenhar para te conquistar.

Caso ele diga também que não sabe mandar uma pergunta melhor, reflita, ligue o sinal amarelo e fique atenta se esse cara vai conseguir te mandar uma mensagem interessante mesmo assim. 

Agora, o melhor dos mundos, é ele pensar que você é uma mulher muito diferente, valorizar isso, e conseguir te fazer uma pergunta melhor do que a que ele tinha feito. Nesse caso, ele irá pensar que pode mais mesmo, que consegue se esforçar para poder manter uma conversa divertida e agradável.

Não tenha um jogo de tênis dentro da conversa

Antes eu achava que as conversas deviam ser como um jogo de tênis. Eu batia na bola e a pessoa rebatia, eu perguntava e ela respondia, aí depois da resposta ela perguntava algo de volta. Mas quando é dessa forma que acontece a comunicação não rende. “Oi, tudo bem?” “Tudo e você?” “Tudo bem”, e acabou.

Quando você se comunica dessa forma, um potencial de conversa interessante é desperdiçado. Eu percebi que conversar deve ser um jogo de futebol, e não de tênis. 

No futebol, a bola é tocada para mim, eu não vou devolvê-la a quem me passou, eu vou pegar a bola, fazer uma firula, e só depois de desenvolver o jogo é que eu passo a bola a alguém.

Não existe pergunta desinteressante, existe resposta desinteressante. Se ele te fizer a clássica pergunta do “Oi, tudo bem?”, surpreenda, seja criativa e inovadora. Você pode dizer algo bom ou ruim sobre o seu dia, descreva um acontecimento, mostre a ele que sua vida está acontecendo, independente dele.

Outra opção seria deixar um mistério no ar. Se ele te perguntar se está tudo bem, responda “não sei exatamente, mas estou intrigada com uma questão..”.

Caso ele seja interessante e esperto o suficiente para conversar com você ele vai querer saber, ele vai de fato se interessar em saber. 

Mandar uma mensagem que seja interessante dá trabalho, por quê? Porque você tem que pensar em algum assunto para vocês falarem. Ser desinteressante é bem mais fácil, porque você vai poder responder no automático, não vai precisar usar muito da sua energia mental.

Observe um ponto focal

A teoria do ponto focal é você escolher algo em específico sobre ele para falar. Pode ser uma foto diferente que tem no feed dele, tente não comentar sobre fotos que sejam chamadoras de like. 

O que eu quero dizer com isso? Aquelas imagens que ele está numa lancha tomando chandon, ele sem camisa fazendo carinho em um labrador, salvando os pinguins do Ártico. Enfim, comente uma foto que ele não imagina que você prestaria atenção.

Um grande erro no jogo da atração é você falar muito de si mesma. O que você deve fazer é se mostrar interessada pelas coisas que ele faz, projetos que ele participa, hobbies que ele tem.

Por isso é tão importante que você procure saber do que ele gosta e aprenda quais são essas coisas. Quando você sabe o que o outro quer, é possível usar isso a seu favor. A partir do que um homem te conta, a partir do que ele gosta, você pode fazer outras perguntas, em um sentido de desenvolver a conversa.

Primeiro ache um ponto focal e depois desenvolva um assunto, pergunte, se interesse. 

Saia do raso

Ao conversar com um homem, tente sair do cotidiano, do lugar comum. Não converse sobre o que você sempre fala, não fale sobre coisas rasas. Tente se conectar com ele em um nível mais emocional.

Essa conversa de “o que você fez hoje?” “como foi seu dia?”, percebe que é isso o que todo mundo faz? Para você conquistar um cara, você precisa se destacar, isso não vai acontecer se você agir como todo mundo.

Pergunte para ele, por exemplo, uma memória de infância, quais são os planos que ele tem para o futuro. Pergunte o que ele mais gosta de fazer, se é jogar videogame ou ler um livro. Entenda quais são os projetos dele, quais são seus interesses e busque se inteirar deles, caso você não saiba. 

Mostre para ele que o que importa para ele também tem importância para você.

Você pode saber muito mais sobre mandar mensagem interessante. No meu curso Jogo das Palavras, eu ensino frases prontas para você mandar para ele e impressioná-lo. Ainda dá tempo de você ser uma expert e saber muito sobre comunicação cativante. Você pode se inscrever aqui.

Comentários

Leia também

O guia para conversas irreristíveis pela internet

Baixe o e-book “oi, sumida” e aprenda os princípios de uma conversa online envolvente e irresistível.


Você está 100% Livre de SPAM

O guia para conversas irreristíveis pela internet

Baixe o e-book “oi, sumida” e aprenda os princípios de uma conversa online envolvente e irresistível.


Você está 100% Livre de SPAM